Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

Hieroglifos

Hieróglifo ou Hieroglifo é cada um dos sinais da escrita de antigas civilizações, tais como os egípcios, os hititas, e os maias. Também se aplica, depreciativamente, a qualquer escrita de difícil interpretação, ou que seja enigmática.

Deve-se a Jean-François Champollion a decifração dos hieróglifos egípcios.


 
Hieróglifos egípcios

Hieróglifo é um termo que junta duas palavras gregas: ?e??? (hierós) "sagrado", e ???fe?? (glýphein) "escrita". Apenas os sacerdotes, membros da realeza, altos cargos, e escribas conheciam a arte de ler e escrever esses sinais "sagrados".

A escrita hieroglífica constitui provavelmente o mais antigo sistema organizado de escrita no mundo, e era vocacionada principalmente para inscrições formais nas paredes de templos e túmulos. Com o tempo evoluiu para formas mais simplificadas, como o hierático, uma variante mais cursiva que se podia pintar em papiros ou placas de barro, e ainda mais tarde, com a influência grega crescente no Oriente Próximo, a escrita evoluiu para o demótico, fase em que os hieróglifos iniciais ficaram bastante estilizados, havendo mesmo a inclusão de alguns sinais gregos na escrita.


 Uso ao longo dos tempos
Os hieróglifos foram usados durante um período de 3500 anos para escrever a antiga língua do povo egípcio.

Existem inscrições desde antes de 3000 a.C. até 24 de Agosto de 394, data aparente da última inscrição hieroglífica, numa pedra descoberta na Ilha de Filae.

Constituíam uma escrita monumental e religiosa, pois eram usados nas paredes dos templos, túmulos, etc. Existem poucas evidências de outras utilizações.

Durante os mais de três milénios em que foram usados, os egípcios inventaram cerca de 6900 sinais. Um texto escrito nas épocas dinásticas não continha mais do que 700 sinais, mas no final desta civilização já eram usados milhares de hieróglifos, o que complicava muito a leitura, sendo isso mais um dos fatores que tornavam impraticável o seu uso e levaram ao seu desaparecimento.


 Quando e como desapareceram os hieróglifos
Com a invasão de vários povos estrangeiros ao longo da sua história, a língua e escrita locais foram se alterando, incorporando novos elementos. Fatores decisivos foram a introdução dos idiomas grego e latino, com a conquista pelos respectivos impérios. Também o cristianismo, ao negar a religião politeísta local, contribuiu bastante para que o conhecimento desta escrita se perdesse, no século V depois de Cristo. Tudo o que estava relacionado com os antigos deuses egípcios era considerado pagão, e portanto, proibido.

No caso dos maias, vastas bibliotecas foram queimadas pelos padres espanhóis em sua iracunda luta pela conversão do povo conquistado à religião católica, restando apenas registros hieroglíficos gravados em estelas, monumentos ou edifícios feitos de pedra, além de três pequenos livros e fragmentos de um quarto. Muitas inscrições foram destruídas e tornadas ilegíveis.

Ainda vale mencionar que em 1822 foi proposto que não necessariamente as imagens e simbolos utilizados querem dizer o que aparentemente representam, pois a lógica está exactamente na sequência de símbolos e não em sua abstracção em si.[carece de fontes?

 

 

 

Índice:
publicado por Chicailheu às 05:58

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

A Vida...

A vida assemelha-se a um rio, assumindo em certos momentos, o arrojo e a impetuosidade das águas.

Tanto o rio como a vida, um dia vão desaguar...o rio ao mar, e a vida culmina com a morte física.

O rio vai desaguar na imensidão imensurável do Oceano.

A vida, dom enefável de Deus, que transcende os limites da comprrensão humana, vai desembarcar na Eternidade!

 

Tal como rio que tem seus afluentes, a vida também os tem, sendo estes, algumas eutopias, espraiando-se no mundo das fantasias, muitas vezes bem longe da realidade!

Por vezes a nossa vida corre num leito estreito, arrantando consigo a esperança que se perde no caudal das decepções!

 

A verdade é que entendo a vida que passa sem se deter, sem retorno, continuando o seu percurso, tal como um rio, que tudo leva, indiferente a tudo o que deixou para trás!

 

A VIDA é sempre surpreendente.

 

Quando achamos que nada de novo vai acontecer, ou que já temos tudo planeado, ela vem qual rio de fortes correntes e nos mostra que tudo é posssível, que o inatingível pode estar ao alcance da mão...basta acreditar!

 

Índice:
publicado por Chicailheu às 05:44

link do post | comentar | favorito
|

Frase do Dia!

Índice:
publicado por Chicailheu às 05:43

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 27 de Setembro de 2009

RUAS DE OUTONO

publicado por Chicailheu às 11:33

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

OUTONO

 

Estamos no mês de Setembro.

O dia em que escrevo estas linhas, está magnífico.

O Céu apresenta-se azul, sem nuvens, corre uma ligeira brisa e a temperatura é amena.

Estamos num período agradável..nem muito quente, nem muito frio!

Emboa o Outono já traga algumas chuvas, avizinhando-se o Inverno, ainda há dias em que se pode disfrutar de paisagnes ímpars.

 

 

Os tons do Outono são lindos!

 

Fazem-me recordar a minha infância e juventude, quando ia com os meus avós para casa de amigos deles, ali para o Pesqueiro durante as Vindimas.

Cheguei a ir com as filhas da casa, dentro do balseiro, (vazio)em cima do carro de bois, era uma folia, e ao escrever, estou a ouvir o chiar das rodas, e a cheirar o cheiro característico das uvas, dos chicharros assados na brasa, e servidos sobre uma folha de figueira.

Bebia-se o vinho doce, comiam-se as uvas, figos doces como mel, e pão caseiro com mel de figo, que era uma delícia!

 

Naquela época o Ano Lectivo começava a 6 de Outubro...isso sim eram FÉRIAS GRANDES!

 

Os dias eram eram longos, e as manhãs suavemente retemperadoras até à hora do almoço.

Depois dormia-se a sesta, e depois do jantar, quase sempre uma boa sopa, joga-se às cartas, conversava-se e já ouvia alguns discos de Vinyl, pois havia um Gramofone.

 

Também assisti a desfolhadas e a alguns Bailaricos, que guardo no meu Baú da Doces Recordações!

 

Índice:
publicado por Chicailheu às 11:18

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Frase do Dia!

Índice:
publicado por Chicailheu às 11:07

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 26 de Setembro de 2009

Alexandre Pires -Depois do Prazer...

Antiga...mas sempre actual!
sinto-me:
publicado por Chicailheu às 04:49

link do post | comentar | favorito
|

CORPO FEMININO -PAULO COELHO

Opinião de um homem sobre o corpo feminino por Paulo Coelho
 

Não importa o quanto pesa. É fascinante tocar, abraçar e acariciar o corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma emoção.

Não temos a menor idéia de qual seja seu manequim. Nossa avaliação é visual, isso quer dizer, se tem forma de guitarra... está bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de proporções, não de medidas.

As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas, cheinhas, femininas... . Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota numa fração de segundo. As magrinhas que desfilam nas passarelas, seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem, são todos gays e odeiam as mulheres e com elas competem. Suas modas são rectas e sem formas e agridem o corpo que eles odeiam porque não podem tê-los.

Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade e a doçura. A elegância e o bom trato, são equivalentes a mil viagras.

A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem! Para andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos, quanto mais tratados, melhor.

As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas pernas... Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam conosco? Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras e pronto. Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão e eu reitero: nós gostamos assim. Ocultar essas formas, é como ter o melhor sofá embalado no sótão.

É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática, tranqüila e cheia de saúde.

Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. porque, nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher. Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.

As jovens são lindas.. mas as de 40 para cima, são verdadeiros pratos fortes. Por tantas delas somos capazes de atravessar o atlântico a nado. O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18. Entretanto uma mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem problemas de desenvolvimento ou está se auto-destruindo.

Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio e sabem controlar sua natural tendência a culpas. Ou seja, aquela que  quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em setembro, não antes; quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (sem sabotagem e sem sofrer); quando tem que ter intimidade com o parceiro, tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando tem que economizar, economiza. 
 


Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas de estrias não lhes tira a beleza. São feridas de guerra, testemunhas de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol' nem em spa... viveram! O corpo da mulher é a prova de que Deus existe. É o sagrado recinto da gestação de todos os homens, onde foram alimentados, embalados e nós, sem querer, as enchemos de estrias, de cesarianas e demais coisas que tiveram que acontecer para estarmos vivos..


Cuidem-no! Cuidem-se! Amem-se!

A beleza é tudo isto.
 
    Paulo Coelho
 

 

 

 
 
 

 


 
 


 


 

 

Índice:
publicado por Chicailheu às 04:30

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Frase do Dia!

scraps e gifs

 

Índice:
publicado por Chicailheu às 04:27

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 25 de Setembro de 2009

Roberto Carlos - NÃO SE ESQUEÇA DE MIM!

Uma das minhas músicas preferidas...
publicado por Chicailheu às 09:58

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

mais sobre mim

Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

::HORAS CERTAS::

::MÚSICA DO BLOGUE::

:: LINK-ME ::

:: CONTADOR ::

contador de acesso grátis

Índice

adágios

adivinhas

agradecimentos

amizade

amor

anedotas

aniversários

apontamentos

artes decorativas

as minhas músicas

até amanhã

bancos de jardim

boa noite

boa semana

boa tarde

boas recordações

bom dia

bom domingo

bom fim de semana

carnaval

coisas de que gosto

comentários

comentários ano novo

comentários da chica

comentários de natal

comentários de sábado

comentários noturnos

comentários tristes

conselhos úteis

culinária

curiosidades

datas comemorativas

desafios

destaques

dias da semana

dicas

domingo

drinks

efemérides

favoritos

feliz ano novo

feliz natal

fim de semana

fofuras

foto do dia

fotos

fotos interessantes

fotos lindas

frase de domingo

frase de hoje

frase do dia

frases

frases de natal

frases do dia

frases lindas

frases luminosas

frases noturnas

humorismo

ilha terceira

ilhas dos açores

imagem de hoje

imagem do dia

imagens lindas

janelas

janelas de natal

livros

meus textos

miminhos

miminhos de amizade

minhas músicas

minhas telas

músicas favoritas

músicas preferidas

músicas românticas

os meus poemas

outros poemas

parabéns

páscoa

pela madrugada

pela noite dentro

pensamentos

poemas

poemas de natal

preces e orações

prosas

provérbios

quadras populares

recados de natal

recordações

reflexões

retratos dos açores

sabia que

saúde

segredos de culinária

selos

texto lindo

textos

textos da chica

textos lindos

youtubes

todas as tags

Recordações

Janeiro 2017

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

favorito

LINDAS FRASES!

LINDAS FRASES!

NELSON NED -RECADO AOS NA...

Gente e Toiros em vídeo

PENSAMENTOS

Dia Feliz!

Comentário...

"Terceirense", ferrenha!

Novidades

CRÓNICA DO DIA!

FELICIDADE1

MAIS UM FINAL DE U DIA -...

FRASE DO DIA!

OLÁ PESSOAS LINDAS.

FRASE DO DIA!

IMAGEM DO DIA!

BOM DIA!

COMEMOREI 45 ANOS DE CASA...

EU, A AUTOGRAFAR OS MEUS ...

:: BLOGS ::

- Maripossa Azoriana Blog
Azoriana Blog
O Blog da Joanina
O Blog da Joanina
Photobucket

"MEU POEMA"

Toda a vez que eu choro Há um sol que ignoro Um mundo lá fora Que não se compadece É tempo perdido E este meu ar sofrido Está de mim cansado Sempre que eu me escondo É por cobardia É esta mania de me anular O que eu tenho mesmo No fundo, no fundo… É medo de amar! CHICA
blogs SAPO

subscrever feeds